terça-feira, 17 de julho de 2007

A mística.

Algo de muito estranho aconteceu hoje de manhã.
Queria usar um colar novo que ganhei de aniversário. Fui tirar a etiqueta com uma faca, mas acabei cortando a correntinha junto. Então, escolhi um outro colar, daqueles compridos, de duas voltas, cheio de pedrinhas. Coloquei e, ao ajustá-lo no pescoço, o colar estourou, fazendo as pedrinhas quicarem por todo o corredor.

Macumbeiristicamente falando, em termos de energia, entidades, gnomos e bruxas, o que será que significa isso?

5 comentários:

K disse...

Quando qualuqer coisa quebra comigo, seja um colar, um copo ou seja lá o que for, tenho a certeza de que alguma coisa ruim foi neutralizada.

Na mesma hora eu rezo, peço proteção e agradeço por ela.

Pode apostar que funciona. Jogue o colar fora.

Beijo
K

Si disse...

No primeiro colar vc é que foi desastrada, rs. No segundo, pode ser que as pedrinhas estivessem mal "ajeitadas"/presas. POde ser tb que energias ruins se neutralizaram como disse a K. Mas o que importa mesmo é vc não encanar até para que não atraia energias que vc não quer.
A gente atrai aquilo em que se concentra, lembra?
Beijo querida

Andy disse...

No primeiro colar, significa que a tesoura é boa, no segundo, significa que o colar era ruim. Eu entendo assim...

Fernando Borges de Moraes disse...

"Fat eye", haha... estou com o(a) andy aí de cima...

cintia disse...

talvez simplesmente não era dia pra usar colar, mesmo.