terça-feira, 26 de junho de 2007

Tudo o que eu podia fazer eu já não fiz

Tudo o que eu podia fazer eu já não fiz
E não adianta você vir me dizer
o que fazer agora
Não fiz porque não quis fazer na hora

A gente escolhe o que é melhor a cada momento
Nem sempre a opção certa é a que mais nos cabe
Na verdade, a gente nunca sabe
Só mesmo o tempo

5 comentários:

Si disse...

A gente escolhe o que parece certo a cada instante, de acordo com o que a gente sente, com o que a gente pensa... não há certo nem errado, só escolhas...

cíntia disse...

ah, o tempo...

Fernando Borges de Moraes disse...

A veia poética de ReOx! Nice to meet you...

Lena disse...

ai, queria poder mandar isso pra uma certa pessoa...
é que ela está precisando ler!

disse...

pegando o gancho do 1o comentário, não há certo nem errado, só escolhas. e atráves delas que adquirimos experiência e nos tornamos o que somos.
adoro teu blog, leio sempre!
:***